Cultura do dominó revela boas histórias e muita estratégia

No texto de Leandro Gomes, o instrumento musical capaz de levantar defuntos era uma rabeca e, em Suassuna, passa a ser uma gaita, provavelmente também por causa de uma necessidade cênica. A fonte direta de Suassuna, porém, estava mais próxima. Palhaço: é o anunciador da peça e também o grande comentador das situações. Chicó: é o contador de causos, o mentiroso ingênuo que cria histórias apenas para satisfazer um desejo inventivo. Chicó se aproxima do narrador popular, e suas histórias revelam muito do prazer narrativo desinteressado da cultura popular. Antônio Moraes: típico senhor de terras, truculento e poderoso, que se impõe pelo medo, pelo dinheiro e pela força.

Mulheres a 118026

Colunistas

Quanto o padre se nega a conjurar e o cachorro morre, o padeiro e sua esposa exigem que o padre faça o enterro do animalesco. Manda Chicó enfiar moedas em um gato e esconder uma bexiga de sangue por baixo da camisa, para o caso de o primeiro posição falhar. Ouvem-se tiros e uma gritaria do lado de fora, era o cangaceiro Severino. O capanga obedece, atira, mas quando toca a gaita zero acontece. No céu, todos se encontram para o juízo final. O diabo e Jesus apresentam as acusações e defesas. É o que ela faz.

Leave a Reply

Your email address will not be published.*